logo

Como economizar ao máximo energia elétrica?

 

Seja por motivações relacionadas à preservação dos recursos naturais ou simplesmente pela economia, buscar maneiras de reduzir o consumo é essencial nos dias de hoje, tanto nos sistemas residenciais quanto nos comerciais. Separamos, abaixo, algumas atitudes que, se adotadas, podem fazer grande diferença no seu bolso no fim do mês.

 

  • Aproveitar a luz natural sempre que disponível

 

O sol é uma fonte de energia inesgotável, renovável e sustentável que, por estes motivos, deve ser aproveitada sempre que possível. Além disso, o Brasil conta, ainda, com uma localização geográfica privilegiada do ponto de vista do volume de incidência solar ao longo do ano se comparado a outros países. É fundamental aproveitar esta oportunidade e economizar cada vez mais.

 

Investir em janelas amplas, pinturas em tons claros e em espelhos estrategicamente posicionados pode ser uma saída interessante para potencializar a iluminação natural nos ambientes internos. Em alguns casos, a necessidade de luz artificial durante o dia é totalmente suprimida.

 

  • Investir em produtos de maior eficiência energética

 

Equipamentos mais modernos tendem a ser mais eficientes do ponto de vista energético. Isso significa que uma televisão, uma geladeira ou até mesmo uma lâmpada mais moderna pode consumir muito menos energia se comparados a equipamentos similares, porém mais antigos (para confirmar essa diferença, certifique-se de procurar por boas notas de eficiência no selo Procel, ainda na loja). Vale a pena avaliar a troca de alguns equipamentos, especialmente sistemas de iluminação, em que LEDs são até 80% mais econômicos que lâmpadas halógenas, por exemplo. Os custos envolvidos com a aquisição de novos equipamentos costumam compensar em pouco tempo de uso.

 

  • Apagar as luzes dos ambientes vazios

 

Ambientes totalmente acesos e vazios podem ser comuns em escritórios ou mesmo em ambientes residenciais. Esse hábito pode acarretar um consumo desnecessário e um custo significativo na conta de energia elétrica. Crie o hábito de sempre apagar as luzes ao sair dos ambientes em que não há mais ninguém além de você.

 

  • Retirar aparelhos sem uso da tomada

 

Sabemos que retirar os aparelhos sem uso da tomada às vezes pode ser uma tarefa maçante. Mas se você busca a máxima economia, a dica é válida. Equipamentos plugados na tomada podem gastar energia mesmo desligados. Isso porque alguns eletrodomésticos contam com a função stand-by para despertarem mais rapidamente quando acionados – caso das TVs, por exemplo. Na pior das hipóteses, procure desligar esses aparelhos quando o plano for ficar alguns dias fora de casa, durante uma viagem, por exemplo. Uma TV sempre desligada pode consumir até 3kW por mês. Some todos os aparelhos da sua casa e a conta pode representar algo significativo.

 

  • Produza a sua própria energia

 

Com os custos de energia elétrica cada vez mais altos, aumenta-se a procura por soluções mais significativas que tragam uma real economia nas residências ou nos estabelecimentos comerciais. Uma das principais é a adoção de um sistema de energia solar fotovoltaica, em que painéis solares são instalados para aproveitarem a incidência da luz solar durante o dia como forma de produzir energia elétrica e amenizar drasticamente as contas no fim do mês. Para se ter uma ideia, é possível, em alguns casos, chegar a uma economia de até 95% na conta de energia, simplesmente com a instalação de um sistema adequado. Ficou interessado? Entre em contato com a Projesol hoje mesmo e descubra a melhor solução para você economizar muito.